Tech Zone

Veja o passo a passo de como transferir seu dinheiro esquecido nos bancos a partir da segunda (07)

Veja o passo a passo de como transferir seu dinheiro esquecido nos bancos a partir da segunda (07)
Imagem: Reprodução

Pessoas físicas e jurídicas que consultaram o novo sistema do Banco Central e descobriram que têm valores a receber poderão solicitar a transferência a partir de segunda-feira, 7. O serviço será liberado de forma escalonada, de acordo com o ano de nascimento da pessoa ou de criação de empresa.

Até o momento, só é possível verificar a existência ou não de dinheiro “esquecido” em instituições financeiras. A partir de segunda, será possível verificar o valor, de onde ele vem, em qual banco ele está, entre outras informações.

Para quem encontra saldo, o sistema informa um dia e horário para retorno ao portal e solicitação da transferência. Confira como os usuários foram organizados:

  • De 07 a 11 de março: nascidos antes de 1968 ou empresas criadas antes deste período;
  • De 14 a 18 de março: pessoas nascidas entre 1968 e 1983 ou empresas criadas nesse período;
  • De 21 a 25 de março: pessoas nascidas ou empresas criadas a partir de 1984.

Passo a passo para sacar

Veja as seguir as instruções para retirar seu dinheiro esquecido em bancos:

  1. Acesse o site valoresareceber.bcb.gov.br no dia e horário informados na primeira consulta. Se precisar relembrar, basta repetir o processo a qualquer momento.
  2. Faça login com a conta gov.br, que precisa ser nível prata ou ouro. Caso ela ainda seja bronze, aumente o nível de segurança no site ou no aplicativo Gov.br.
  3. Leia e aceite o termo de responsabilidade.
  4. Confira o valor a receber, sua origem (tipo) e a instituição que deve devolver. Quando for o caso, o sistema poderá fornecer informações adicionais.
  5. Clique na opção disponibilizada, que será “Solicitar por aqui” ou “Solicitar via instituição”.

Se aparecer a alternativa “Solicitar por aqui”, o cliente terá que informar uma chave Pix e aguardar até 12 dias pela devolução. Mas se o sistema exibir “Solicitar via instituição”, o usuário precisará entrar em contato via telefone ou e-mail para combinar o retorno dos valores diretamente com o banco.

Cerca de 25,9 milhões de pessoas físicas e 253 mil empresas que já fizeram a consulta têm dinheiro a receber. O BC aconselha que o usuário não deixe para criar a conta gov.br e ajustar seu nível somente na data da transferência.

 

Fonte: Diário Informativo BR

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Prefeitura de Jatobá