Tech Zone

JUSTIÇA: Pastor que anunciou orar para que o ator Paulo Gustavo morresse pode ser preso por homofobia

JUSTIÇA: Pastor que anunciou orar para que o ator Paulo Gustavo morresse pode ser preso por homofobia

O pastor José Olimpio, que ficou conhecido pelas declarações contra Paulo Gustavo, pode acabar sofrendo uma punição exemplar. Olimpio é líder na Assembleia de Deus de Alagoas e desejou a morte de Paulo Gustavo, afirmando que iria orar por isso.

Em suas redes sociais, Olimpio escreveu o seguinte: “Esse é o ator Paulo Gustavo que alguns estão pedindo oração e reza. E você vai orar ou rezar? Eu oro para que o dono dele o leve para junto de si”. Depois, apagou diante da repercussão negativa.

No entanto, o tempo da postagem no ar foi suficiente para que dezenas de entidades decidissem tomar uma medida drástica. De acordo com o site Congresso em Foco, dezenas de entidades em prol da comunidade LGBTQIA+ decidiram agir.

Olimpio será alvo de dezenas de denúncias por homofobia, segundo uma nota assinada por várias entidades. A nota afirma:

É urgente que crimes como estes, motivados por homofobia, sejam enquadrados da tipificação da LGBTfobia , na lei de combate ao racismo de n. 7.716/2018, e que punições mais rigorosas e severas sejam tomadas

A nota alega que as declarações do pastor não afetam apenas a Paulo Gustavo, mas toda uma comunidade que lida diariamente com preconceito. A homofobia foi tipificada como crime desde o reconhecimento pelo STF, que decidiu que o crime deveria ser equiparado ao crime de racismo.

Conforme diz a lei, se condenado por homofobia, o pastor José Olimpio pode pegar até 5 anos de prisão.

Via: congressoemfoco.uol.com.br

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Prefeitura de Jatobá