Tech Zone

Jornalista cego revela discriminação por produção do Caldeirão do Huck: “Ficaram muito sem graça”

Jornalista cego revela discriminação por produção do Caldeirão do Huck: “Ficaram muito sem graça”
Foto: Reprodução Tv Globo

O jornalista Marcos Lima, primeiro cego a participar do quadro “Quem quer ser um milionário”, em dezembro de 2018, usou seu canal no Youtube, Histórias de Cego, para revelar que foi discriminado pela produção do programa.

Lima revelou que o fato ocorreu nos bastidores do programa. Segundo ele, dois produtores do programa o pediram para usar óculos de sol para entrar no estúdio por questões estéticas.

“Quem tem o direito de me pedir para usar óculos, ainda mais para tapar a minha deficiência? Nisso os dois ficaram muito sem graça, nitidamente não estava partindo deles, eles estavam sendo só enviados. Eu sei que não veio do Luciano, eu sei exatamente de quem veio. Veio de cima, mas não tão de cima, veio da direção do programa, que quer preservar, botar aquela estética, tapar meu olho. Meu olho deve ser horrível, não pode aparecer na TV“, disse o jornalista.

“Só sei que isso me impactou e felizmente essa experiência só me fez crescer, ter a certeza de quem eu sou, com óculos porque eu quero e sem óculos porque eu quero. Eu decido quem eu vou ser e o que vou fazer“, continuou.

Confira o vídeo:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Prefeitura de Jatobá