JATOBÁ: “Com a rejeição do Projeto de Lei que previa a criação do Auxílio Emergêncial Municipal, quem sai derrotado é o povo mais carente de Jatobá”, diz Vereador Éder Rodrigo

0
JATOBÁ:
Foto: Whitney Pereira

Na noite da última terça-feira (20), na Sessão da Câmara Municipal de Jatobá, entrou na Ordem do Dia, para discussão e votação, o Projeto de Lei n° 15/2021, que previa a criação do Auxílio Emergencial do Município de Jatobá.

Em sua fala na tribuna, o vereador Éder Rodrigo (PDT) afirmou que teria vários argumentos técnicos para defender o projeto de lei que previa a criação do Auxílio Financeiro no âmbito do Município, mas que não adiantaria apresentá-los naquela noite, isso porque, nas palavras do vereador, “naquela votação, o jogo já tava jogado”, “as cartas já estavam marcadas”, numa alusão de que o resultado da votação já estaria sacramentado.

“Eu poderia passar para Vossas Excelências um milhão de argumentos técnicos para dizer que esse projeto é viável, tem recursos e pode sim ser implementado. Mas adiantaria de que? Eu quero dizer o seguinte: aqui o jogo já tá jogado, que as cartas na mesa já são marcadas?. E infelizmente a gente vai ser derrotado”, afirma o Vereador.

Em sequência, ele continua afirmando que por uma disputa eleitoreira quem sairá derrotada é a população mais carente da cidade:

“Não seremos derrotados aqui: eu, Mayênio, Mardônio e Dorilândia, os autores deste projeto. Quem vai ser derrotada é a população mais carente desta cidade.

E continua dizendo:

“Diante, infelizmente, de uma disputa eleitoreira. Parece-me que a gestão atual não desmontou o palanque, infelizmente. E só quem tem a perder com a rejeição desse projeto é apenas população”, conclui Éder Rodrigo.

Veja vídeo da fala do vereador:

As informações são da ASCOM do Vereador Éder Rodrigo (PDT).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor insira seu nome aqui