Tech Zone

FIQUE ATENTO! Anúncios falsos se multiplicam no Facebook

FIQUE ATENTO! Anúncios falsos se multiplicam no Facebook
FIQUE ATENTO! Anúncios falsos se multiplicam no Facebook

FIQUE ATENTO! Anúncios falsos se multiplicam no Facebook! Marketplace da rede social está repleto de anúncios enganosos com preços atraentes, que escondem ações criminosas de estelionatários.

SOBRE OS ANÚNCIOS FALSOS NO FACEBOOK

A acessibilidade e conectividade que o meio digital trouxe à vida humana é um fenômeno que tende a se acentuar, tornando as pessoas cada vez mais imersas em um ambiente virtual.

Apesar de todos os aspectos positivos, vale relembrar que a internet também conta com inúmeros pontos negativos, entre eles as ações criminosas em um território cujas leis ainda tem muita dificuldade em inibir e punir crimes cibernéticos.

Prefeitura de Jatobá

O problema é sério e já acendeu o alerta nas autoridades. Dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2023 indicam que o número de casos de estelionatos virtuais aumentou em 451% no Estado do Pará entre 2021 e 2022.

Em números brutos, foram registrados 2.344 casos em 2021 e 12.988 em 2022. O salto na quantidade de golpes em ambientes virtuais fica evidente com os inúmeros relatos de pessoas que foram vítimas de anúncios falsos nas redes sociais, em especial no Marketplace do Facebook.

É o exemplo do estudante Italo Laredo, doutorando em Educação pela Universidade Federal do Pará. Ele publicou o anúncio da venda de um aparelho de TV por R$ 750 no site OLX no último sábado (29) e já na segunda-feira (31), um homem entrou em contato com ele supostamente interessado no produto. Se tratava de um golpista.

O estelionatário convenceu Italo, por meio de uma explicação bastante duvidosa, que um conhecido iria até o endereço do doutorando buscar a TV e pagaria um valor de R$ 250 em espécie e que o restante do valor cobrado pelo produto seria enviado por transferência via Pix.

Quando o comprador chegou ao local, afirmou que já tinha sido vítima de outros golpes e desconfiou do fato de pagar parte do valor da TV em espécie e a outra parte em uma transferência à conta do golpista, que persuadiu Italo a dizer ao comprador que os dois eram primos.

Logo, Italo e o comprador perceberam que se tratava de um golpe. O estelionatário usou as fotos e informações do anúncio do estudante na OLX para criar um anúncio similar no Facebook, porém com um valor menor, de R$ 500.

Este é o principal recurso utilizado pelos criminosos nos golpes na internet. Atraídas pelos preços bem abaixo do habitual, as vítimas são seduzidas e enganadas por pessoas que, muitas das vezes, sequer moram no estado onde o anúncio foi feito.

No caso do golpe em que Italo ia cair, o estelionatário que trocou mensagens com ele possuía um sotaque e vícios de linguagem característicos de pessoas nascidas e residentes no Estado de São Paulo. Apesar do susto, o doutorando de 31 anos contou que a venda não foi concretizada, mas ainda se sente revoltado por quase agir com o cúmplice em um golpe virtual.

OS ANÚNCIOS FALSOS NO FACEBOOK

“Vi muitos anúncios no Marketplace do Facebook como fotos de TVs até mesmo anunciadas em lojas, com preços de R$ 400 e R$ 500. Propagandas claramente fakes. Vou denunciar o meu caso na polícia para tentar fazer com que esse tipo de prática não fique impune. Minha maior preocupação é com as pessoas honestas, que acabam caindo nisso. Quem vende, vende por algum motivo, por vezes necessidade. E pessoas mal intencionadas acabam se aproveitando disso”, desabafou Italo.

FIQUE ATENTO!

Este tipo de crime é conhecido como “golpe do falso intermediário”. Quando o estelionatário age remotamente com o intuito de manipular vendedor e comprador para benefício próprio, inventando histórias mirabolantes sobre os motivos pelos quais a venda de determinado produto está sendo feita.

E o golpe não é executado apenas com TVs. Celulares, outros eletrodomésticos e, principalmente, veículos são alguns exemplos de anúncios visados pelos criminosos para serem clonados e usados para capturar novas vítimas.

Por isso, para evitar entrar neste tipo de situação, certifique-se de combinar todos os detalhes da venda diretamente com o vendedor e desconfie de imediato caso explicações desnecessárias, pedidos inusitados e outras situações estranhas se manifestem durante a negociação.

Por Adams Mercês/DOL

Portal Jatobá

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.