Tech Zone

Brasil segue com 16 casos suspeitos de coronavírus neste domingo, segundo ministério; outros 10 foram descartados

Brasil segue com 16 casos suspeitos de coronavírus neste domingo, segundo ministério; outros 10 foram descartados

[oceanwp_library id=”470″]

Ministério da Saúde informou neste domingo (1) que o Brasil segue com 16 casos suspeitos do novo coronavírus 2019 n-CoV. Nenhum caso foi confirmado.

Metade dos pacientes está em São Paulo. Há suspeitas também no Ceará (1), Paraná (1), Santa Catarina (2) e Rio Grande do Sul (4).

Outros dez casos foram descartados: Minas Gerais (1), Rio de Janeiro (1) , São Paulo (2), Paraná (1), Santa Catarina (2) e Rio Grande do Sul (3).

Não houve alterações no número de casos suspeitos e descartados desde o último levantamento divulgado nesta sábado (1º) pela pasta.

Casos no Brasil

UF Suspeito Confirmado Descartado
CE 1 0 0
MG 0 0 1
RJ 0 0 1
SP 8 0 2
PR 1 0 1
SC 2 0 2
RS 4 0 3
TOTAL 16 0 10

Neste domingo foi confirmada a primeira morte pelo novo coronavírus fora da China. A vítima é um chinês de 44 anos que estava em Manila, na Filipinas, e é o segundo caso da doença confirmado no país.

O novo coronavírus já matou 304 pessoas na China e infectou mais de 14,3 mil.

Um grupo de brasileiros na China fez um apelo neste domingo ao governo de Jair Bolsonaro para a retirada de cidadãos do país afetado pelo surto do coronavírus. O Planalto disse que não vai comentar o pedido.

Emergência de saúde pública

Na última quinta-feira (30), a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou que os casos do coronavírus 2019 n-CoV são uma emergência de saúde pública de interesse internacional.

São milhares de infecções na China e em 23 países. Com isso, uma ação coordenada de combate à doença deverá ser traçada entre diferentes autoridades e governos.

Os casos do 2019-nCoV estão se espalhando mais rápido, mas matam menos do que a Síndrome Respiratória Aguda Grave, SARs-CoV, que causou um surto na China entre 2002 e 2003, e do que o H1N1, vírus que levou a uma pandemia em 2009 e que continua fazendo vítimas.

Sars levou à morte 916 pessoas e contaminou 8.422 durante toda a epidemia (2002 a 2003). A taxa de letalidade é de 10,87%. Isso representa quase 11 mortes a cada 100 doentes. Os dados são da Organização Mundial de Saúde (OMS).

As duas infecções são causadas por vírus da família “coronavírus”, e recebem este nome porque têm formato de coroa.

Fonte: G1

[oceanwp_library id=”474″]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Prefeitura de Jatobá