100 ANOS: Exército impõe sigilo para processo de Pazuello

0
100 ANOS: Exército impõe sigilo para processo de Pazuello
Foto: Pablo Jacob/Agência O Globo

O Exército Brasileiro negou acesso ao processo administrativo, que foi arquivado, sobre a participação do general Eduardo Pazuello em uma motociata ao lado do presidente Jair Bolsonaro. O passeio de motocicleta aconteceu no final de maio, no Rio de Janeiro.

Ao jornal O Globo, o Exército informou que o processo contém informações pessoais e citou o dispositivo da Lei de Acesso à Informação (LAI) que garante, nesse tipo de caso, o sigilo por 100 anos.

O Serviço de Informação ao Cidadão da força disse, nesta segunda-feira (07), ao jornal carioca, que “a documentação solicitada é de acesso restrito aos agentes públicos legalmente autorizados e à pessoa a que ela se referir”.

O general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, comandante do Exército Brasileiro, decidiu, no dia 3 de junho, não puniria Pazuello por conta de sua ida à motociata. Em nota, o Exército afirmou que, após o comandante ter avaliado argumentos do ex-ministro, “não restou caracterizada a prática de transgressão disciplinar”.

Participe do nosso CANAL no TELEGRAM CLICANDO “AQUI” e receba notícias em primeira mão! 

 

Fonte: PE Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor insira seu nome aqui